Aguardado em BH, Cuca perde as estribeiras e revela o culpado de tudo no Athletico

Ainda na entrada do CT do Caju, o técnico Cuca falou com os jornalistas, e atribuiu a série de resultados negativos como o principal motivo para sua saída do Athletico. Ele mencionou que a rescisão do contrato foi uma decisão consensual com a diretoria do clube.

“Dia triste para mim. Hoje estou deixando o Athletico. Tiveram derrotas que foram difíceis de autoadministrar, que foram as derrotas para o Danubio e para o Ameliano, que foram jogos inadmissíveis de você perder. E esses três últimos resultados, esses empates seguidos, com gols nos acréscimos, 53, 53 e 48, em cada empate desse foi se achando um culpado. E, quando isso acontece, o jogador vai perdendo a confiança”, disse Cuca.

O treinador ofereceu sua renúncia durante a coletiva após o empate em 1 a 1 com o Corinthians no último domingo (23), na Arena Ligga, pelo Campeonato Brasileiro. Na manhã desta última segunda-feira (24), após uma reunião com a diretoria, foi decidida a sua saída por mútuo acordo.

Cuca no Cruzeiro?

Cuca que negou qualquer negociação com o Cruzeiro. O treinador pediu respeito ao atual comandante da equipe, Fernando Seabra, e afirmou que não tem planos de assumir outro clube nesta temporada.

Segundo informações da ‘Itatiaia‘, ele é um técnico que interessa a Pedro Lourenço, o novo sócio majoritário da Sociedade Anônima de Futebol (SAF) da Raposa. No entanto, conforme apurado pela reportagem, não há atualmente nenhuma negociação em curso.

Apesar disso, os rumores sobre Cuca no Cruzeiro geraram uma rejeição significativa por parte da torcida nas redes sociais. Alguns torcedores já começaram a usar a hashtag #CucaNão para expressar sua posição contrária à possível contratação do treinador.

Comentários estão fechados.

n