Após desempenho ruim, Atlético ‘anuncia’ seu NOVO TÉCNICO para 2024

O Atlético anunciou a contratação de Adriano Gutierrez como novo técnico da equipe feminina, e esta será sua primeira experiência no comando de um time composto exclusivamente por mulheres. Além dele, o clube também contratou o fisiologista Alexandre Mendonça e o analista de desempenho Luiz Felipe.

O treinador que estava atuando como auxiliar técnico do Porto Vitória, no Espírito Santo. Durante sua passagem por lá, contribuiu para que a equipe alcançasse a semifinal do Campeonato Estadual e garantisse a liderança na Copa ES antes de deixar o cargo.

Adriano Gutierrez chega ao Galo com respaldo do novo coordenador técnico da equipe, Ricardo Guedes. Eles colaboraram no acesso do Itabirito ao Módulo I do Campeonato Mineiro do ano passado, além de terem trabalhado juntos nas categorias de base do Futgol, de Contagem.

As Vingadoras que estavam sem treinador desde abril, quando Antony Menezes foi dispensado, com 12 jogos no Campeonato Brasileiro sem conquistar nenhuma vitória. Como resultado, foi rebaixado para a Série A2 do Brasileirão feminino, acumulando apenas um ponto e terminando na última posição da competição.

Dono do Atlético fala sobre ano ruim

Rubens Menin, dono da SAF do Atlético, enfatiza que o clube reconhece a importância de investir na categoria, visando colher frutos no futuro. Ele destaca que está atento ao desenvolvimento do esporte em nível global e se compromete a fortalecer o futebol feminino do Alvinegro.

“O futebol feminino no Brasil ainda não tem uma força muito grande, mas tem alguns lugares, Espanha, o próprio Estados Unidos, onde ele tem uma força muito grande. Ele vai acontecer. Evidentemente que em alguns esportes o feminino está mais próximo do masculino, você pega o tênis por exemplo, a premiação é igual no masculino e no feminino. No futebol ainda não existe isso, o basquete americano feminino é muito bom”, disse Rubens Menin.

Comentários estão fechados.

n