Atacante do Atlético é imparável e alcança feito histórico no Galo

Paulinho está prestes a se juntar aos cinco maiores artilheiros do Atlético no século 21. Com o gol marcado neste último domingo (30), no empate por 1 a 1 com o Atlético-GO pelo Campeonato Brasileiro, o atacante alcançou a marca de 43 tentos com a camisa preta e branca.

Ainda no primeiro tempo, Lucas Kal acabou desviando a bola em uma disputa direto para os pés do camisa 10. O artilheiro da Arena MRV mostrou calma diante do gol e finalizou rasteiro, entre as pernas de Ronaldo, para empatar o jogo.

Paulinho balançou as redes 31 vezes na temporada passada e já marcou 12 gols nesta, estabelecendo-se como o principal artilheiro da equipe no ano. Esses números o posicionam ao lado do ex-atacante Éder Luís na sexta posição do ranking de maiores goleadores do Galo no século.

  • 1º Tardelli (2009 – 2011 | 2013 – 2015 | 2020 – 2021): 112 gols
  • 2º Hulk (2021 – ): 104 gols
  • 3º Guilherme Alves (1999 – 2002 | 2003): 76 gols
  • 4º Marques (1997 – 2002 | 2005 – 2006 | 2008 – 2010): 59 gols
  • 5º Luan (2013 – 2019): 49 gols
  • 6º Éder Luís (2005 – 2009): 43 gols
  • 6º Paulinho (2023 – ): 43 gols
  • 8º Lucas Pratto (2015 – 2017): 42 gols
  • 8º Fred (2016 – 2017): 42 gols
  • 10º Cazares (2016 – 2020): 41 gols

Empate do Atlético irrita Paulinho

Apesar da marca alcançada com o gol, Paulinho lamentou o empate. O artilheiro do Atlético expressou sua frustração pelos pontos perdidos em casa e instou a equipe a entrar mais concentrada nas próximas partidas.

“A gente sabe que no brasileirão é importante fazer os três pontos em casa. Os times fazem um gol aqui e se fecham, o jogo fica mais difícil. Estamos tendo dificuldade no primeiro tempo, entramos e não fizemos o que é treinado. Muita euforia, errando muito passe. Deixamos a desejar e com 1 a 0 para eles dificulta mais ainda o jogo”, disse Paulinho.

Comentários estão fechados.

n