Atacante do Flamengo se manifestou e disse tudo o que sentia da torcida do Galo

O atacante do Flamengo, Bruno Henrique, saiu do campo da Arena MRV admirado com o apoio da torcida do Galo. Mesmo com a derrota por 4 a 2 para o Rubro-Negro carioca nesta última quarta-feira (3), os torcedores alvinegros criaram um ambiente vibrante nas arquibancadas.

“Jogar aqui é muito difícil. O Atlético, a ‘Massa Atleticana’ empurra. Ela faz a festa para o Atlético fazer um grande jogo. Mas, o mais importante foi o mental da gente. Não deixamos o público desestabilizar a gente mentalmente”, disse Bruno Henrique.

A torcida do Galo protagonizou uma grande celebração antes do jogo, com fogos de artifício, um mosaico impressionante e um enorme bandeirão. O confronto atraiu 39.993 espectadores, sendo o quarto maior público da história da Arena MRV e o maior desta temporada.

O recorde absoluto de público no novo estádio foi registrado na primeira partida da final do Campeonato Mineiro deste ano, onde 42.592 torcedores estiveram presentes no clássico contra o Cruzeiro, que teve torcida única. No Campeonato Brasileiro, o maior público também ocorreu diante da Raposa, com 42.068 presentes no primeiro confronto entre os times no local.

Galo com problemas

O zagueiro Rômulo foi expulso na partida contra o Flamengo, após receber dois cartões amarelos, e estará fora do confronto contra o Botafogo. O Galo viajará para o Rio de Janeiro para enfrentar o time carioca no Nilton Santos, às 20h30 deste domingo (7), pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O primeiro cartão amarelo veio aos três minutos do segundo tempo, após o defensor reclamar com veemência com a arbitragem, sendo punido pelo árbitro Ramon Abatti Abel. Mais tarde, aos 17 minutos, ele cometeu uma falta dura no atacante Bruno Henrique, recebendo o segundo cartão amarelo e consequentemente sendo expulso da partida.

Comentários estão fechados.

n