Atlético-MG HUMILHA Cruzeiro no Mineirão e prova quem manda em BH

Numa final memorável no Mineirão, repleta apenas de torcedores do Cruzeiro, o Atlético-MG conquistou uma virada impressionante, vencendo por 3 a 1 e silenciando o estádio. Com esse título, o Alvinegro alcançou a quinta taça consecutiva do Campeonato Mineiro, algo que não era visto desde o início dos anos 80.

Apesar de ter sofrido um gol e desperdiçado duas grandes oportunidades com Paulinho, o Galo conseguiu reunir forças para reverter o cenário, mesmo com todo o Gigante da Pampulha torcendo a favor da Raposa. O surpreendente Saravia e o artilheiro Hulk foram os responsáveis por silenciar o estádio, enquanto Gustavo Scarpa, até então pouco expressivo no time, fechou a festa com um belo tento.

Campanha do Atlético-MG no Campeonato Mineiro

O desempenho do Atlético-MG no Campeonato Mineiro não foi excepcional. Durante a primeira fase, o clube enfrentou dificuldades contra adversários considerados mais fracos, e registraram-se quatro vitórias, dois empates e duas derrotas ao longo do período.

Nas semifinais, o Galo enfrentou o América, e no primeiro confronto, venceu por 2 a 0 na Arena MRV, e no jogo de volta, sofreu uma derrota por 2 a 1 no Independência, mas garantiu a classificação para a final. Já Sob o comando do argentino Gabriel Milito, o Alvinegro empatou em 2 a 2 o primeiro jogo da final em seu estádio, e conquistou o título ao derrotar o Cruzeiro no Mineirão.

  • 1ª rodada – Patrocinense 1 x 2 Atlético
  • 2ª rodada – Atlético 4 x 0 Democrata-GV
  • 3ª rodada – Atlético 0 x 2 Cruzeiro
  • 4ª rodada – Athletic 0 x 2 Atlético
  • 5ª rodada – Tombense 1 x 1 Atlético
  • 6ª rodada – Itabirito 0 x 2 Atlético
  • 7ª rodada – América 1 x 1 Atlético
  • 8ª rodada – Atlético 3 x 0 Ipatinga
  • Semifinal – Atlético 2 x 0 América
  • Semifinal – América 2 x 1 Atlético
  • Final – Atlético 2 x 2 Cruzeiro
  • Final – Cruzeiro 1 x 3 Atlético

Comentários estão fechados.

n