Atlético-MG recebe notícia que muda tudo e deixa torcida em êxtase

Na próxima quinta-feira (4), o Atlético-MG estreia na Conmebol Libertadores diante do Caracas, às 19h (Horário de Brasília), no Estádio Olímpico de la Universidad Central de Venezuela. Apesar de jogar fora de casa, o alvinegro ganhou um reforço de peso de última hora. De modo geral, o plantel venezuelano demitiu o técnico Leonardo González no último domingo (31) e deve pegar o Galo com um interino.

Em jogo válido pela 10ª rodada do Campeonato Venezuelano Apertura, o Caracas recebeu o Club Deportivo Internacional de Barinas, dentro de casa. Mesmo jogando com a torcida em maior número nas arquibancadas, os adversários do Atlético-MG foram derrotados por 2 a 1. Com mais um tropeço na conta, a diretoria do Los Rojos acabou por colocar um ponto final no contrato do técnico Leo González.

Presente no Caracas desde o início de 2023, o comandante não conseguiu manter constância diante de seus jogadores. Sobretudo, em 44 partidas disputadas com a camisa do clube venezuelano, o treinador adquiriu apenas 14 vitórias, 22 empates e oito derrotas. Já na atual temporada, o rival do Atlético-MG venceu apenas dois conflitos em dez realizados.

Como chega o Atlético-MG:

Após protagonizar um empate catastrófico diante do Cruzeiro, no primeiro duelo da final do Campeonato Mineiro, o Galo deposita todos os seus esforços na estreia da Libertadores 2024. Com uma dinâmica diferente do que vinha sendo apresentada por Felipão, o técnico Gabriel Milito já mostrou suas credenciais aos torcedores alvinegros.

Sem dar pistas sobre a sua escalação contra o Caracas, Milito planeja dar sequência ao gás apresentado no primeiro tempo contra a Raposa. Somente nos 45 minutos iniciais, o Atlético-MG abriu vantagem de dois gols, mas no segundo tempo acabou cedendo o empate. É válido destacar que por ter o jogo da volta contra o Cruzeiro no próximo final de semana, o Galo pode encarar os venezuelanos com um time misto.

Comentários estão fechados.

n