Camisa 10 do Atlético-MG surpreendeu todo mundo e aceitou proposta do México

No final de janeiro, o Atlético-MG concretizou a transferência do meio-campista Yan Philipe para o conglomerado do Atlético de Madrid. O Atlético de San Luís investiu US$ 800 mil (aproximadamente R$ 3,9 milhões) para adquirir 80% dos direitos econômicos do jogador, e adicionalmente, o Alvinegro assegurou 20% para transações futuras.

Revelação do Galo e destaque na última edição da Copa São Paulo de Futebol Júnior, Yan Phillipe despertou o interesse do Grupo City em 2022, porém, as negociações não progrediram. O jovem que disputou apenas uma partida pela equipe profissional, ocorrida no dia 7 de novembro de 2022, quando entrou aos 18 minutos do segundo tempo, substituindo o argentino Matías Zaracho, na partida contra o Botafogo, no Mineirão.

Atlético-MG renovou com joia

Se o Atlético-MG vendeu Yan Phillipe, o clube, quase na mesma época, anunciou a extensão do contrato com o promissor atacante Isaac Tomich, de 19 anos, que agora permanecerá vinculado até dezembro de 2028. A renovação contratual foi marcada por uma saga que se estendeu ao longo dos últimos meses, com o jogador chegando a firmar um pré-contrato com o Coritiba.

“Estou muito feliz em renovar meu vínculo com o Atlético, clube que cheguei ainda para o sub-15 e que me deu toda a base para me tornar um atleta profissional. Espero, cada dia mais, trabalhar para conquistar o meu espaço e ajudar o clube a alcançar os seus objetivos”, disse Isaac.

O centroavante que ganhou destaque durante a Copa São Paulo de Futebol Júnior do ano passado, onde marcou cinco gols, e após essa performance, foi promovido ao time profissional, participando em três ocasiões, todas sob o comando de Eduardo Coudet. Além disso, ele esteve ativo em várias partidas pela equipe sub-20, alcançando uma marca impressionante de 11 gols em 12 jogos apenas no campeonato estadual da categoria.

Comentários estão fechados.

n