Casagrande solta o verbo e crava culpado pela eliminação do Galo na Copa do Brasil

No último sábado (3), o Galo venceu o Cruzeiro por 1 a 0, em partida válida pela nona rodada do Campeonato Brasileiro. Esse resultado trouxe um alívio para o técnico Eduardo Coudet, após a pressão gerada pela eliminação na Copa do Brasil para o Corinthians.

A eliminação no torneio ainda é um assunto que incomoda o clube, e muitos torcedores e comentaristas veem a vantagem de dois gols na primeira partida como um trunfo que não poderia ser desperdiçado. Durante o programa “Fim de Papo“, da UOL Esporte, Walter Casagrande apontou um erro grave e atribuiu a culpa da derrota a Coudet, considerando-o como o responsável pela eliminação.

Acho que ele não conhece a história do Corinthians. Não sabe o que é jogar contra o Corinthians no Pacaembu ou na Arena. Ele não sabe a história, porque nenhum treinador com um pouco de conhecimento sobre a história do Corinthians viria com cinco modificações aqui na Arena. Na minha opinião, se eu fosse diretor do Atlético Mineiro, eu teria demitido o Coudet no vestiário, porque foi muito grave o que ele fez”, disse.

Foco na Libertadores

Com a eliminação da Copa do Brasil, a Libertadores se tornou ainda mais importante para o Galo. Nessa terça-feira (6), a equipe enfrenta o Alianza Lima no Peru, em busca da vitória para ir a última rodada da fase de grupos mais tranquilo.

Caso isso aconteça, o Alianza será eliminado da disputa por uma vaga na próxima fase da Libertadores, já que o Atlético abriria uma vantagem de cinco pontos sobre os peruanos, restando apenas uma partida. O Alvinegro iria para a última rodada dependendo apenas de si, embora algumas situações ainda possam depender do resultado da outra partida.

Comentários estão fechados.

n