Conversas em andamento: Atlético ‘surpreende geral’ e negocia com sonho de Milito

Entre os atletas atualmente no elenco, o Atlético corre o risco iminente de perder o meia Pedrinho, cujo contrato de empréstimo expira no final de junho. O jogador é vinculado ao Shakhtar Donetsk, clube com o qual renovou seu contrato no início do ano e que manifestou forte interesse em tê-lo de volta.

Anteriormente, a probabilidade do camisa 38 permanecer no Galo era praticamente nula, especialmente após suas performances destacadas na Copa Libertadores. No entanto, essa possibilidade agora aumentou um pouco, embora ainda seja considerada baixa, como explicou o diretor de futebol Victor.

“O Atlético já pagou por dois empréstimos, teve investimento alto para ter ele aqui. Talvez, a única possibilidade dele continuar é estender o contrato até o fim do ano, mas sem pagar por um novo empréstimo. Todo o investimento que podíamos fazer, foi feito. Não é tão provável, mas é uma tentativa. Diante dos fatos que citei, realmente torna essa permanência pouco provável”, disse Victor.

O ex-goleiro mencionou que tanto ele quanto o técnico Gabriel Milito têm grande apreço por Pedrinho, e o jogador também está contente no clube. No entanto, a realidade é que a probabilidade de ele permanecer ainda é reduzida, apesar de ter aumentado um pouco nas últimas semanas.

Passagem no Atlético

Pedrinho chegou ao Atlético em junho de 2022, quando Rodrigo Caetano era diretor de futebol do clube. Desde então, o meia-atacante enfrentou períodos marcados por lesões significativas e não conseguiu se firmar como titular sob o comando de Felipão, o que complicou sua busca por uma sequência de jogos.

O atleta registrou apenas dois gols e quatro assistências em 54 jogos pelo Galo, mas conquistou a admiração da comissão técnica de Milito. Além disso, ele venceu dois estaduais (2023 e 2024).

Comentários estão fechados.

n