Eduardo Vargas é liberado e Gabriel Milito ganha ‘reforço’ no Atlético

Gradualmente, Gabriel Milito, técnico do Atlético, está ganhando mais opções para reforçar o time, já que nesta terça-feira (2), Eduardo Vargas é esperado após representar o Chile na Copa América. O atacante foi titular nos três jogos da seleção chilena na competição, que resultaram em empates de 0 a 0 com Peru e Canadá e uma derrota de 1 a 0 para a Argentina.

No entanto, com a eliminação da seleção chilena do torneio continental no último sábado (29), o camisa 11 está liberado para retornar ao Galo. Ele que tem o apoio do técnico argentino, que desde sua chegada ao clube tem dado oportunidades ao jogador, que estava pouco utilizado quando a equipe era comandada por Felipão.

Antes de Gabriel Milito, Vargas havia sido utilizado na derrota para o Patrocinense, na estreia da temporada, e nos clássicos contra o América (um empate por 1 a 1 e uma vitória por 2 a 0). No entanto, ele teve poucas oportunidades, totalizando apenas 50 minutos em campo.

Já sob o comando do “hermano”, o atacante passou a ser mais escalado, participando de 12 partidas. Ele demonstrou seu valor ao marcar um dos gols na vitória por 3 a 0 sobre o Cuiabá e, vindo do banco de reservas, também balançou as redes duas vezes no empate por 2 a 2 com o Fluminense.

Reforço chega ao Atlético

Ontem, o zagueiro Lyanco desembarcou a Belo Horizonte para passar por exames médicos e finalizar sua contratação com o Atlético. Ao desembarcar no aeroporto de Confins, ele teve uma breve conversa com a imprensa, mas preferiu não comentar sobre o acordo com o clube.

Comentários estão fechados.

n