Eleição controversa no Galo causa polêmicas nas redes sociais

A torcida que acompanhou o ano histórico do Galo em 2021, repleto de investimentos, um elenco formado por ídolos, um técnico vencedor e a conquista de três títulos no ano, vive momento de desespero na atual temporada. Além dos resultados e atuações negativas em campo, a torcida se mostrou insatisfeita com uma situação extracampo.

Na segunda-feira (19), o Atlético informou a inscrição de uma chapa única para a sua nova diretoria e a “Triplete do Galo” tem como futuro presidente, Ricardo Annes Guimarães, um dos investidores do clube, conhecidos como 4R’s. O vice será Renato Moraes Salvador, que também faz parte da atual cúpula do futebol. O mandato inicial é válido para três anos (até outubro de 2025).

A Massa Atleticana, que além de lotar o estádio para apoiar o clube, esteve nas redes sociais após o anúncio e não se mostrou satisfeita com a inscrição de uma chapa única. Entre os comentários, alguns citam um suposto aparelhamento do clube, alguns pedem piedade e dizem marcar um momento antes do pior acontecer no clube, outros ainda alegam que o Atlético não teria mais democracia.

Ricardo Guimarães expõe situação dos salários no Galo

Buscando um culpado pelas derrotas e eliminações precoces do Galo em 2022, a torcida teve uma resposta importante e o próprio Ricardo Guimarães confirmou que os jogadores nunca presenciaram salários atrasados na temporada e que o comprometimento da diretoria é o mesmo. No programa ‘Os Donos da Bola’, Heverton Guimarães comentou a crise da equipe mineira.

“O Atlético está atolado em uma crise. O grande problema é que existe uma crise dentro de campo, o time não está jogando p… nenhuma. Existe, parece que há uma crise de relacionamento. Aí no meio de tudo isso há uma mudança no processo de gestão e que atrapalha qualquer tipo de decisão a ser tomada agora, além de um outro grande problema que é o clube passando pelo processo de mudança de operação e perdendo valor, desvaloriza a marca, o elenco. O Zaracho, que era jogador para estar na Seleção Argentina, futuro excepcional pela frente, hoje tem gente que não fala dele nem no time titular”, disse.

Comentários estão fechados.

n