Everson destaca trabalho defensivo de atacantes do Atlético-MG

A fase do Atlético-MG é tão boa no Campeonato Brasileiro que até jogadores criticados deram a volta por cima. Dentre os atletas que oscilaram na temporada está o goleiro Everson. No entanto, apesar dos números não serem os melhores nos últimos anos, o arqueiro fez questão de pontuar o trabalho dos atacantes nessa reta final de competição.

Após seis jogos executados no segundo turno, o Atlético-MG assumiu a liderança de time com maior aproveitamento. Como se não bastasse a façanha em relação aos duelos ganhos, o elenco de Felipão é o que tem a segunda melhor defesa, perdendo apenas para o líder Botafogo. Após 322 minutos consecutivos sem sofrer gols, Everson falou ao ge sobre postura do plantel dentro de campo

Tomar poucos gols é trabalho coletivo, desde o Hulk e Paulinho lá na frente. Quando a bola chega, trabalho bem, dando minha parcela de contribuição. O Felipão sabe se defender muito bem.

– Everson

Com 19 gols marcados e 25 sofridos, o Atlético-MG dá aulas em termos de alinhamento entre sistema ofensivo e defensivo. A última vez que o Galo teve sua defesa vazada foi na 22ª rodada do Campeonato Brasileiro, quando empatou em 1 a 1 com o Athletico-PR. Após o confronto, o alvinegro derrotou o Botafogo, Cuiabá e Internacional, ambos sem sofrer gols.

Essa campanha de Everson é a terceira melhor em toda a temporada. Sobretudo, a maior sequência de defesas não vazadas é a do Palmeiras, com um total de 379 minutos. Posteriormente aparece o Vasco da Gama, com 350 minutos. Por fim, Everton fecha o TOP-3.

Everson com a camisa do Galo

Na temporada 2023, Everson disputou 52 partidas divididas entre Campeonato Mineiro, Copa do Brasil, Libertadores e Brasileirão. Nesse ínterim, o arqueiro sofreu 40 gols, venceu 26 partidas, empatou 14 e em 12 confrontos o empate prevaleceu. No mais, confira os números obtidos pelo goleiro com a camisa alvinegra:

  • 2020: 28 jogos – 34 gols sofridos – Média de 1,21 gol por duelo
  • 2021: 68 jogos – 45 gols sofridos – Média de 0,66 gol por duelo
  • 2022: 58 jogos – 54 gols sofridos – Média de 0,93 gol por duelo
  • 2023: *52 jogos – 40 gols sofridos – Média de 0,76 gol por duelo

*Restam 13 rodadas para o fim da tempora e a média pode sofrer alteração.

Comentários estão fechados.

n