Hulk age na surdina e se torna DONO do Mineirão

Desde que foi anunciado pelo Atlético-MG em 2021, o atacante Hulk se tornou ídolo inquestionável da Massa Atleticana, especialmente pela maneira como se identificou com a camisa alvinegra. Naquela época, o jogador tomou uma importante decisão na carreira, retornando ao futebol brasileiro para atuar em uma das melhores campanhas de toda a história da equipe mineira.

Logo no primeiro ano, Hulk garantiu a artilharia do time com 36 gols, foi o maior goleador do Campeonato Brasileiro e da Copa Libertadores da América, e ainda garantiu os dois títulos junto ao elenco. Em 2022, o desempenho coletivo não foi extremamente brilhante, mas o atacante foi novamente destaque, balançando as redes 29 vezes e garantindo os títulos do Mineiro e da Supercopa.

De acordo com informações do perfil ‘Galo News’, Hulk também é o artilheiro do novo Mineirão, após a reforma feita para a Copa do Mundo de 2014. O ídolo da Massa Atleticana cravou 50 gols no Gigante da Pampulha, apenas com a camisa do Galo. Pelo Atlético, a lista de artilheiros segue da seguinte maneira: Keno (15), Eduardo Sasha (14), Savarino e Eduardo Vargas (13).

Hulk sonha em atuar na Arena MRV

Na temporada de 2023, o Atlético enfrenta momento conturbado, mas Hulk ainda é a esperança da Massa Atleticana, especialmente sobre o objetivo de garantir a vaga para a Copa Libertadores da América de 2024. A motivação pode ser ainda maior com a inauguração da Arena MRV, o novo estádio do Galo, que passa a receber jogos no próximo domingo (27).

O atacante comentou sobre a oportunidade de atuar em casa: “Expectativa é das melhores possíveis. Existe aquele sonho da casa própria, quando a gente consegue, fica a ansiedade de desfrutar. É um sonho realizado para todos os atleticanos, me sinto realizado também por esta grande conquista. Não ter que jogar de aluguel, de ter nossa casa própria, chamar nossa casa de nossa mesmo”, revelou Hulk.

Comentários estão fechados.

n