Leila Pereira põe fortuna na mesa e Atlético responde sobre Allan

Nas últimas semanas uma forte especulação tomou conta da Massa Atleticana, diante da possibilidade de perder mais uma de suas importantes peças, desta vez, para o Palmeiras. O volante Allan vem sendo sondado pela diretoria do Verdão, que ainda não realizou nenhuma contratação para a temporada de 2023, e pode ser um grande nome ao time comandado por Abel Ferreira.

Considerando a maior meta da equipe mineira para a temporada, a Copa Libertadores da América, Allan é essencial ao Galo, e nas últimas três edições do torneio, é o melhor jogador de linha do Atlético, como revelou o SofaScore. Conquistou a artilharia em passes certos, além de bolas longas e interceptações. Assim, é necessário pesar o fato de que pode reforçar um time adversário.

De acordo com informações do jornalista Heverton Guimarães, o time alvinegro só aceitaria negociar a transferência de Allan por aproximadamente 15 milhões de euros, mais de 80 milhões de reais na atual cotação. No entanto, no Brasil, o Palmeiras seria um dos poucos times que poderiam arcar com a compra, mas não deve destinar o valor total a um jogador.

Atlético não deve reforçar rival

Após o confronto da última quarta-feira (1), a assessoria do Atlético conversou com alguns jornalistas e definiu que não possui interesse em negociar o jogador para clubes brasileiros, e que só aceitaria conversas com um time estrangeiro. O principal motivo, além do valor, é justamente a possibilidade em reforçar um adversário direto em títulos.

Em entrevista, Allan diz que a proposta está nas mãos do clube. “Eu tento me desligar sobre essas informações. Deixo para eles cuidarem se vale a pena ou não. Estou aí para qualquer coisa que eles quiserem conversar. Mas estou feliz aqui. Acredito que sim (tenha chegado proposta). Está tudo na internet”, disse.

Comentários estão fechados.

n