Não pode ser: Atlético-MG tem super problema para jogo contra o Vitória

O técnico Gabriel Milito, do Atlético-MG, enfrentará dificuldades para definir a equipe que enfrentará o Vitória nesta quinta-feira (20), às 18h30, no Barradão, em Salvador, pela 10ª rodada do Campeonato Brasileiro. O argentino terá o desafio de montar o ataque sem Paulinho e Hulk.

Vale lembrar que ambos os jogadores foram expulsos na partida em que o Palmeiras venceu por 4 a 0, na Arena MRV, na última segunda-feira (17). Para complicar ainda mais a situação do “hermano”, o atacante Eduardo Vargas continua ausente, pois está com a seleção chilena.

Nesta quarta-feira (19), Milito comandará o último treino antes do confronto contra o time nordestino para definir a escalação do Galo. Para o ataque, Cadu e Alisson são os principais candidatos a ocupar as vagas deixadas por Hulk e Paulinho, enquanto Palacios e Isaac, outras opções, têm chances menores.

Fora os atacantes citados, o Atlético-MG não terá o volante Alan Franco (Equador) e o lateral-esquerdo Guilherme Arana (Brasil), convocados para a Copa América. Além disso, o volante Otávio e o lateral/meia Rubens estão lesionados, enquanto o lateral-direito Mariano ainda está em fase de transição física, e não poderão jogar.

Por outro lado, Milito contará com o retorno de três jogadores importantes que cumpriram suspensão e não jogaram contra o Palmeiras. São eles: o goleiro Everson e o volante Rodrigo Bataglia, que são titulares incontestáveis do time, além do zagueiro Mauricio Lemos, que também estará disponível.

Atlético-MG busca subir na classificação

Com a derrota para o Palmeiras, o Atlético-MG desceu para a nona colocação no Campeonato Brasileiro. No entanto, a depender dos resultados da rodada, e caso vença o Vitória, o Alvinegro pode subir para o sexto lugar.

Comentários estão fechados.

n