Página de futebol dá uma de vidente e crava Galo campeão da Libertadores

Na última terça-feira (23), o Atlético-MG recebeu o Athletico-PR na quarta rodada da fase de grupos da Copa Libertadores da América, e não poderia ir em busca de um resultado que não fosse a vitória, especialmente por estar ao lado da Massa Atleticana. O adversário do Galo era um importante concorrente pelo título, já que foi o finalista do ano anterior junto ao campeão, Flamengo.

Mesmo diante de alguns erros de passes, que poderiam ser resultado de um nervosismo pela responsabilidade da partida, a posse de bola do Galo ainda alcançava cerca de 70%. O Furacão foi o primeiro a marcar, já no segundo tempo, mas o gol agiu como uma faísca para que o Galo voltasse a pressionar e encontrasse dois gols de Paulinho, um deles de uma falta bem cobrada de Igor Gomes.

Com o resultado, sua quinta vitória consecutiva na temporada, algumas especulações já o apontam como o campeão: “A verdade é que quando o Galo começa a ganhar jogos assim, termina campeão. ESSA LIBERTADORES JÁ TEM DONO! Não tem zica que impeça isso de acontecer”, revelou a página Olé do Brasil, no Twitter. Mesmo que pareça cedo, as equipes já determinam favoritismo.

Atlético relembra força da Copa Libertadores de 2013

O Atlético conquistou a Copa Libertadores de 2013, e possui como meta máxima, quebrar o jejum de dez anos sem o valioso título, na temporada de inauguração da Arena MRV, a nova casa da Massa Atleticana. Na conquista do passado, a torcida foi essencial para empurrar o time até a final, com o canto do “Eu Acredito”, que ainda ecoa no pensamento de cada atleticano.

Na época, o Atlético proporcionou viradas históricas, defesas emocionantes, assim como na Copa do Brasil de 2014, quando proporcionou uma reviravolta contra Corinthians e Flamengo. Assim, vem acontecendo uma virada de chave no elenco de Eduardo Coudet, que não iniciou bem a temporada, mas já acumula números impressionantes nas últimas cinco partidas.

Comentários estão fechados.

n