Pai de Vargas dá pista e ‘saída’ do Atlético se torna possibilidade

O pai do atacante Eduardo Vargas, que tem o mesmo nome do filho, abordou o futuro do camisa 11 do Atlético em uma entrevista à imprensa do Chile. Quando questionado sobre a possibilidade do jogador retornar à Universidad de Chile, clube onde jogou entre 2010 e 2011, ele deixou em aberto, mantendo um certo suspense.

“Eu não saberia dizer. Mas se ele contou à imprensa (que pode voltar), talvez sim. É ele quem toma as suas decisões”, disse Eduardo Vargas, o pai.

Vale lembrar que na última sexta-feira (7), durante compromissos com a seleção chilena, o atacante mencionou que está considerando suas opções para o futuro, e que a vontade de sua noiva e seus filhos terá um peso significativo na decisão final. Ele sugeriu que sua família tem o desejo de morar no Chile e indicou que existe a possibilidade de mudança de clube.

Vargas pelo Atlético

Desde que chegou ao Atlético em 2020, Vargas acumula 144 partidas, 27 gols e 13 assistências. Durante esse período, foi fundamental para conquistar títulos como o Campeonato Mineiro em 2021, 2022, 2023 e 2024, além do Brasileirão e da Copa do Brasil em 2021, e a Supercopa do Brasil em 2022.

Até a chegada do técnico Gabriel Milito, o gringo tinha sido pouco aproveitado, mas o treinador passou a confiar nele e o designou como substituto direto de Hulk. Nesta temporada, ele marcou três gols e contribuiu com uma assistência.

Embora esteja considerando negociar Vargas, o Galo só pretende fazer isso em julho, quando a janela de transferências no futebol brasileiro abre. Além dele, as opções ofensivas incluem Hulk, Paulinho, Cadu, Alan Kardec e Isaac.

Comentários estão fechados.

n