Ramón Díaz vira problema e ida de Fausto Vera para o Atlético pode melar

A negociação para transferir o volante Fausto Vera do Corinthians para o Atlético pode enfrentar uma reviravolta. Com a chegada iminente do técnico Ramón Díaz, o clube paulista parece estar reconsiderando alguns negócios que estavam em andamento, especialmente o do meio-campista.

O treinador, sendo argentino, tem uma inclinação natural para trabalhar com compatriotas e conhece bem o camisa 5 dos tempos em que o jogador atuou no Argentinos Juniors, tendo ótimas referências sobre suas habilidades e contribuições no campo. Vera tem sido excluído dos treinos com o restante da equipe desde que solicitou à antiga comissão técnica para não disputar o sétimo jogo pelo Brasileirão, permitindo-lhe assim transferir-se para outro clube durante a competição.

A situação criou conflitos com António Oliveira, que saiu do Corinthians na semana passada. A diretoria e o departamento de futebol do time paulista agora aguardam a chegada de Ramón Díaz ao Brasil para discutir o elenco.

Apesar disso, os paulistas estão interessados em fechar o negócio com Fausto Vera, principalmente devido à dívida pendente com o Argentinos Juniors. No início deste ano, o clube argentino iniciou um processo na FIFA para cobrar 3,45 milhões de dólares (R$ 17 milhões na época), e para ganhar tempo e buscar os recursos necessários para quitar essa dívida, o clube de São Paulo recorreu à Corte Arbitral do Esporte (CAS).

Fausto Vera e Gabriel Milito

O Galo começou a negociar com Fausto Vera depois que Gabriel Milito, que o treinou no futebol argentino e foi fundamental para seu melhor desempenho, manifestou interesse. No Argentinos Juniors, ele progrediu sob a orientação do treinador, sendo promovido a um dos capitães da equipe.

Em sua última temporada na Argentina, sob o comando do técnico do Atlético em 2022, ele acumulou 27 partidas, marcando cinco gols e dando quatro assistências. Esses foram os melhores números de sua carreira até agora.

Comentários estão fechados.

n