Torcida do Atlético ficou furiosa e partiu pra cima após fiasco contra o Vitória

O Atlético, pelo segundo jogo seguido, perde sofrendo quatro gols. Ontem, no Barradão, em Salvador, o time comandado por Gabriel Milito acabou cedendo muitos espaços para o adversário, que não perdoou a meta do goleiro Everson.

Após o jogo, a torcida do Galo criticou diversos jogadores, incluindo o goleiro citado, e os atacantes Alan Kardec e Cadu. Quem também não escapou dos comentários negativos foi o técnico argentino, que após o confronto, assumiu a culpa pelo resultado.

“Dói. Dói muito perder, mas nos levantaremos com força e seguiremos para frente, competindo, tentando melhorar. Tentar sair rápido dessa sequência de dois jogos com derrotas, com quatro gols sofridos em cada. Logicamente, não gosto disso. Os jogadores também. Mas no futebol às vezes acontece. Agora, temos a dor da derrota e de como foi o jogo, mas seguiremos trabalhando, melhorando e sobretudo aprender para não voltar a repetir os erros de hoje”, disse Milito.

Atlético terá sequência em casa

Com o objetivo de avançar na tabela do Campeonato Brasileiro, o Atlético enfrentará um desafio crucial. O time terá de melhorar seu desempenho como mandante na competição, já que nas próximas quatro rodadas, três desses jogos serão disputados na Arena MRV.

Conforme a tabela atualizada pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF), o Galo enfrentará o Fortaleza, Internacional, Atlético-GO e Flamengo consecutivamente. A única partida fora de casa será contra o time gaúcho.

Até agora, o Atlético não tem conseguido aproveitar o fator casa na competição. Dos quatro jogos disputados na Arena MRV pelo Campeonato Brasileiro, o Alvinegro venceu um, empatou dois e perdeu um, resultando em um aproveitamento de apenas 41,67% dos pontos possíveis.

Comentários estão fechados.

n