Hulk se une à causa e deixa torcida do Atlético orgulhosa

O atacante Hulk, juntamente com sua família, doou R$ 100 mil para as vítimas da tragédia climática no Rio Grande do Sul. O anúncio foi feito durante o treino aberto que o Atlético realizou em solidariedade às vítimas, e além disso, ele demonstrou novamente seu lado humano ao apoiar a paralisação do futebol brasileiro.

“O mais importante são as vidas das pessoas que estão passando por essa situação delicada. A gente sabe que não está sendo fácil para todos no Sul. Eu amo jogar futebol e dou a minha vida por isso, mas hoje o mais importante são as pessoas. Se for para o bem de todos paralisar, eu estou de acordo”, disse Hulk.

Vale lembrar que ontem, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) anunciou a suspensão das rodadas sete e oito do Campeonato Brasileiro. Conforme anunciado pela entidade, a decisão foi tomada com o apoio de 15 dos 20 clubes participantes do torneio – apenas RB Bragantino, Flamengo, Palmeiras, São Paulo e Corinthians não foram a favor.

Atlético vira a chave

Com a decisão da CBF de suspender as duas próximas rodadas do Campeonato Brasileiro, o técnico Gabriel Milito ganhou uma semana livre para preparar o Atlético para um importante desafio na outra competição nacional. Como não jogará contra o Bahia nesse domingo (19) na Arena MRV, o Alvinegro agora foca na Copa do Brasil, onde enfrenta o Sport na próxima quarta-feira (22), na Arena Pernambuco, pelo duelo de volta da terceira fase.

No confronto de ida, realizado em Belo Horizonte, o Galo conquistou uma vitória por 2 a 0, abrindo uma vantagem significativa para avançar. O time pode ser derrotado por até um gol de diferença e ainda assim seguirá para as oitavas de final.

Comentários estão fechados.